Sem espaço no IML, governo aluga caminhões frigoríficos para armazenar corpos de detentos mortos em massacre no AM

Sem espaço no IML, governo aluga caminhões frigoríficos para armazenar corpos de detentos mortos em massacre no AM

Por falta de espaço, 40 dos 55 corpos de detentos mortos no massacre ocorrido em unidades prisionais do Amazonas foram colocados em um caminhão-frigorífico alugado pelo governo do estado. Até o fim da manhã desta terça-feira (28), 16 corpos haviam sido liberados.

As mortes ocorreram entre domingo e segunda em presídios de Manaus. Segundo as autoridades, foram causadas por disputa pelo comando de uma facção.