Distritos ganham UPA 24 horas e moradores já recebem atendimento

Distritos ganham UPA 24 horas e moradores já recebem atendimento

Porto Velho, RO - A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Jaci-Paraná começou a funcionar na segunda-feira (22). A unidade garante importante reforço no acolhimento de urgência e emergência à população dos distritos da BR-364 e toda a Ponta do Abunã, dando suporte em saúde para cerca de 100 mil pessoas.

A nova unidade passa a funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana com capacidade para atender grande parte das demandas de urgência e emergência como pressão e febre alta, fraturas, cortes, infarto e derrame, além de acolhimento de paciente com suspeita de Covid-19. São 10 leitos, sendo duas emergências, equipado com respiradores, sete leitos de observação e um de isolamento, instalado num quarto individual.

São cerca de 800 metros quadrados de uma estrutura completa com área de recepção, com capacidade para 20 pessoas, sala de classificação de risco, sala de atendimento social, sala para exames diferenciados, sala de urgência e emergência, posto de enfermagem e serviços, sala de sutura/curativo, sala de nebulização, sala de aplicação de medicamentos, sala de exames para radiologia, laboratório completo, posto de enfermagem, além de alojamento para descanso da equipe médica. A unidade também conta com uma base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

A UPA Jaci tem capacidade para realizar o mínimo de 2.250 mil atendimentos mensais. Para isso, conta com uma equipe de 50 profissionais de saúde. Os plantões serão formados por 2 médicos, 2 enfermeiros, 4 técnicos de enfermagem, um técnico de radiologia, um bioquímico, um técnico de laboratório, além de dois profissionais administrativos. Novos profissionais estão sendo convocados para suporte no acolhimento populacional.

Segundo a diretora do Departamento de Média e Alta Complexidade, Francisca Rodrigues Nery, a UPA Jaci foi montada superando as exigências do Ministério da Saúde. “Implantamos três leitos a mais do recomendado e também acrescentamos um médico no plantão, tudo para melhor atender os pacientes”.

Desde a inauguração até às 8h da terça (23), a UPA Jaci realizou 28 procedimentos. O primeiro paciente registrado foi uma jovem de 21 anos que deu entrada na unidade às 14h28min de segunda-feira (22) com sintomas semelhantes ao coronavírus. Ela recebeu atendimento conforme protocolo do Ministério da Saúde e foi encaminhada para Porto Velho.

“É gratificante podermos entregar essa UPA para a população, principalmente para quem reside nos distritos e linhas rurais. Estamos descentralizando a saúde para facilitar o acesso de todos aos serviços médicos, com uma estrutura ampla e completa, principalmente neste período de pandemia”, destacou o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves.