Diagnosticado com a Covid-19, ex-comandante do Corpo de Bombeiros de Vilhena está na UTI em hospital de Porto Velho

Diagnosticado com a Covid-19, ex-comandante do Corpo de Bombeiros de Vilhena está na UTI em hospital de Porto Velho

Porto Velho, RO - O Folha do sul on line acaba de ter acesso ao áudio gravado por um filho do ex-comandante do Corpo de Bombeiros de Vilhena, José Joaquim da Silva, que foi diagnosticado com a Covid-19 e está internado na UTI do Hospital Central, em Porto Velho.
 
Diz a gravação, cuja autenticidade foi confirmada ao site por amigos do militar, o “Capitão Joaquim” teria sido entubado, e quadro dele é considerado grave, porém estável, já que nenhum outro órgão, exceto seus pulmões teria sido afetado pelo novo Coronavírus.
 
Morador de Vilhena, o militar de 48 anos estaria em Porto Velho visitando familiares. O nome dele é o mais cotado para comandar a Escola Estadual Cecília Meireles, que será a primeira a ser transformada em instituição de ensino “Bombeiro Militar do interior de Rondônia”.
 
Ao se despedir do comando do CB, em março deste ano, Joaquim disse, durante a solenidade de transmissão do posto: “agradeço a Deus por essa oportunidade de ficar à frente desse comando e aprender a cada dia que passei com todos vocês. Muito obrigado a todos”
 
Querido pelos amigos e também pelos subalternos, o ex-comandante está sendo colocado em correntes de orações dos que torcem por sua recuperação.