Adolescente é agredido por suposto policial civil para confessar furto em casa vizinha, na Zona Sul

Adolescente é agredido por suposto policial civil para confessar furto em casa vizinha, na Zona Sul

Porto Velho, RO - Um adolescente de 16 anos e uma sua tia foram agredidos, na noite de segunda-feira (20), por um suposto policial civil que os acusava de ter furtado a casa da irmã dele, localizada na Rua Haiti, Bairro Novo Horizonte, Zona Sul de Porto Velho. 

A Polícia Militar foi acionada e, no local, as vítimas contaram que a vizinha teve casa furtada e, o irmão dela, que é policial civil, após ficar sabendo do furto foi até a casa das vítimas, invadiu e começou a agredir o adolescente, obrigando-o a confessar um crime que ele não teria cometido.

A tia do rapaz tentou intervir na situação, mas o policial teria sacado sua arma e engatilhado contra a vítima. Depois de um certo tempo de ameaças, ele fugiu. 

O caso foi registrado no 4° DP, como lesão corporal, para que sejam adotadas as medidas necessárias.