39 PMs são escalados no presídio de Vilhena para darem visitas íntimas para presos, denuncia SINGEPERON

39 PMs são escalados no presídio de Vilhena para darem visitas íntimas para presos, denuncia SINGEPERON

39 PMs são escalados no presídio de Vilhena para darem proteção e manter a paz durante visitas intimas neste sábado.

Porto Velho, RO - Conforme a lista de escala de serviços dos policiais militares que irão atuar no Centro de Ressocialização Cone Sul-Vilhena, 39 (trinta e nove) PMs trabalharão neste sábado (09), para poderem realizar as visitas íntimas dos presos.

O número de policiais é surpreendente, tendo em vista que que os agentes penitenciários realizam os mesmos serviços com um efetivo de 8 a 13 servidores.

Isso mostra o grande contrastes que o governo vem tratando a categoria dos agentes penitenciários, não dando valor à essa classe tão guerreira e tão sofrida, quando esses servidores solicitam efetivo para realizarem as atividades dentro da segurança, nunca tem servidores para suprirem as necessidades.

Isso também prova os gastos exorbitantes que o governo está tendo com essa “intervenção”, preferem gerar esses gastos aos cofres públicos do que cumprir um acordo homologado na justiça, ou seja, o governo está gastando muito mais pelos mesmos serviços prestados pelos agentes penitenciários e que, realizaram sem onerar os cofres públicos, finalizou a  presidente do SINGEPERON.